ESTÁVAMOS NUM PRÉDIO

grande, por onde era possível passear; era aqui em São Paulo. Foi ficando de noite, subimos os andares, acompanhando uma excursão (de japoneses, ao que tudo indica). Uma professora era a guia, contando a história de alguém que fugiu da segunda guerra. Chegamos ao topo, subindo de mãos dadas. Muita gente ali - moradores, visitantes? … Continue lendo ESTÁVAMOS NUM PRÉDIO