MITOLOGIAS

das grandes cidades: nelas as pessoas falam sobre a própria cidade e produzem discursos que a recriam, engrossam o coro da população numerosa. Assim elas são construídas. Mesmo quem é de fora conhece essas grandes cidades, cheias de cantos e histórias. E há cidades que são pouco faladas, escritas. Ou que nada dizem. Não há … Continue lendo MITOLOGIAS

EM VEZ DE DIZER

outra coisa diz por nós. Por falta do que dizer - por falta de conhecimento da própria situação? - a citação, a imagem de uma música, a referência a uma personagem. O que Cecília Meireles disse também não é só dela era de outro lugar; ela deixou falar outras coisas? Seriam das minhas coisas, afinal, … Continue lendo EM VEZ DE DIZER

“PORQUE O REI

fazia questão que sua autoridade fosse respeitada". Assim é o monarca que o Pequeno Príncipe encontra em sua viagem. É uma das personagens que mais me marca no livro. Isso porque tem uma sabedoria muito prática: - Se eu ordenasse a meu general voar de uma flor a outra como borboleta, ou escrever uma tragédia, … Continue lendo “PORQUE O REI

INDO E VINDO

do hospital semana passada, na primeira ida pensei: esse lugar que nos afasta da doença, da morte. Que coloca tudo num mesmo fundo branco, um mesmo cheiro que não é cheiro de nada: assepsia, silêncio, frieza. E como era tudo num certo antes que não temos mais: dos partos às mortes, tudo acontecia aqui no … Continue lendo INDO E VINDO