ERA UMA LOJA DE DOCES

na rua principal da cidade. no fim da tarde, depois do trabalho ou da escola, encontrava-se ali muita gente, indo saborear um quitute -- pudim de leite, arroz doce, cocada, brigadeiro, paçoca, quindim, doce de abóbora, figo em calda, goiabada, pé-de-moleque... eram inúmeras as opções de escolha, assim como era também variado o gosto da … Continue lendo ERA UMA LOJA DE DOCES

O QUE É PRÊT?

há o substantivo e o adjetivo: o primeiro, derivado do verbo prêter, emprestar, deixar algo à disposição de alguém por um tempo determinado; o segundo, o estado de algo preparado, feito, pronto. Um pouco diferentes no sentido, os dois surgem do latim praesto: à disposição, à mão, aqui presente. Em português, o equivalente mais próximo … Continue lendo O QUE É PRÊT?

O QUE É ROUTE?

palavra aparentemente muito simples: caminho, trajeto, estrada. Pode opor-se a caminho, no sentido em que a route é algo planejado, demarcado oficialmente, sinônimo de estrada. O adjetivo derivado, routier, é equivalente ao nosso rodoviário. Logo, temos transport routier para transporte rodoviário; gare routière para a nossa rodoviária, o terminal rodoviário (rodoviaire em francês não existe). … Continue lendo O QUE É ROUTE?

O QUE É ATTENDRE?

à primeira vista, é um falso cognato para o português: significa "esperar, aguardar; permanecer num lugar até que algo aconteça: que o trem chegue, que venha uma resposta, que o médico chame". Mas attendre não está tão distante do português atender; ao menos ambos vem do latim attendere: "obedecer, dar auxílio, observar com prudência, ser … Continue lendo O QUE É ATTENDRE?