LIMPAR O PRÓPRIO BUMBUM

foi a experiência que me marcou a entrada na pré-escola. Antes, em casa, sempre que eu precisava fazer cocô, chamava mamãe ou vovó. Elas me ajudavam a me limpar, eu tentando mas sem confiança de executar a tarefa. Lembro que nas primeiras vezes em que aconteceu de fazer cocô no prezinho, eu me dirigia ao … Continue lendo LIMPAR O PRÓPRIO BUMBUM

XIXI E COCÔ

são os temas deste post -- bom dizer assim, logo de cara; assim, quem sente nojo de ler sobre essas coisas pode já interromper a leitura. Este post aqui me inspirou. Afinal, viver junto com um bebê leva a observar tudo sob novos pontos de vista. No começo de tudo, não havia cocô, mas mecônio. … Continue lendo XIXI E COCÔ

AS FRALDAS DE PANO, UM ANO E MEIO DEPOIS

continuam sendo utilizadas na grande maioria das vezes. Excepcionalmente, o Francisco usa fralda descartável -- em dias que ficamos muito tempo longe de casa, dentro do carro, por exemplo. Era algo que a gente não fazia no começo, mas que fomos pouco a pouco cedendo: sim, as fraldas descartáveis são bem mais práticas e não … Continue lendo AS FRALDAS DE PANO, UM ANO E MEIO DEPOIS

O PRIMEIRO DENTINHO

chegou por volta dos seis meses. Já fazia um bom tempo que ele babava bastante -- sinal de dente nascendo. Além disso, percebemos que ele roçava qualquer brinquedinho na gengiva. Dizem também que esfregar as orelhas sinaliza dente chegando. Na verdade, é todo o corpo que está mudando. O sistema digestivo, especialmente. O Francisco teve … Continue lendo O PRIMEIRO DENTINHO

O PARTO, COMO EU IMAGINAVA

seria na água. Gosto muito de água, acreditava que seria um bom meio de transição para x bebê. Assisti vários vídeos de partos em banheiras. Assegurei-me que poderia ter uma na casa de parto. Também imaginava um trabalho de parto longo. Muitas contrações espaçadas; eu poderia dormir entre elas. Talvez durasse mais de um dia... … Continue lendo O PARTO, COMO EU IMAGINAVA