A LUA

é nosso satélite natural -- isso a gente aprende na escola. No dia a dia, a gente vai acompanhando pelo céu suas mudanças de fase: cheia, minguante, nova, crescente. As marés, todo mundo sabe, sofrem influência do magnetismo lunar. Não sei bem quando ou como ouvi falar que havia fases da lua mais propícias para … Continue lendo A LUA

QUANDO NOS MUDAMOS

para um apartamento, depois de uns anos em casa com quintal em rua calma, fazíamos muito barulho. Mas talvez um momento ficávamos mais quietinhos: quando o dia ia acabando, o sol indo embora, era bonito ver a paisagem que se abria na janela. O apartamento ficava no oitavo andar: em volta, poucos prédios próximos. Por … Continue lendo QUANDO NOS MUDAMOS

UM ANO ATRÁS, EM DEZEMBRO

estava rascunhando o relato de parto; o texto ia crescendo e ficou tão longo que o dividi em partes; elaborei uma série de posts; escolhi dia 21 de dezembro para começar a publicá-los no blog; reiniciaria, assim, a escrever nele, depois de um bom tempo parado. O Francisco estava começando a se virar deitado; fazia … Continue lendo UM ANO ATRÁS, EM DEZEMBRO

O PARTO É MEU

-- foi mais ou menos com essa ideia em mente que fui me preparando durante a gravidez. O nascimento dx bebê seria uma experiência única. Mesmo mães que passam por várias gestações dizem que cada um desses momentos são diferentes um do outro. Sentimentos, dor, medo: são todas coisas muito pessoais. Por isso quase sempre … Continue lendo O PARTO É MEU

“E O MEDO?”

muita gente já me perguntou, das maneiras mais variadas. É normal esperar que se sinta medo durante a gravidez e principalmente o parto. A dor, sobretudo, é o que mais assusta. No começo da gravidez relembrei a célebre frase do Gênesis: "parirás teus filhos com dor", algo assim. A dor seria então um castigo divino, … Continue lendo “E O MEDO?”

O PARTO, COMO EU IMAGINAVA

seria na água. Gosto muito de água, acreditava que seria um bom meio de transição para x bebê. Assisti vários vídeos de partos em banheiras. Assegurei-me que poderia ter uma na casa de parto. Também imaginava um trabalho de parto longo. Muitas contrações espaçadas; eu poderia dormir entre elas. Talvez durasse mais de um dia... … Continue lendo O PARTO, COMO EU IMAGINAVA

A MATERNIDADE E O ENCONTRO COM A PRÓPRIA SOMBRA, DE LAURA GUTMAN

é outro dos livros interessantes que descobri durante a gravidez. Estava lendo um relato de amamentação e lá encontrei a referência a ele. Fui atrás, encomendei, comecei logo a ler. Depois disso, em vários blogs, sites, relatos que eu acompanhava, via a mesma indicação de leitura. Laura Gutman é uma best-seller. Tem um instituto em … Continue lendo A MATERNIDADE E O ENCONTRO COM A PRÓPRIA SOMBRA, DE LAURA GUTMAN

PARTO ATIVO, DE JANET BALASKAS

foi uma leitura muito importante durante a minha gestação. Ajudou a entender o mecanismo do parto, a estrutura do corpo feminino e os movimentos que eu poderia praticar como preparação para a passagem do bebê. Balaskas parte de uma premissa muito simples: a mulher, durante o trabalho de parto, deve sentir-se livre, movimentar o corpo … Continue lendo PARTO ATIVO, DE JANET BALASKAS

DIZER NÃO

pode ser difícil, em alguns momentos. Escutar, compreender, filtrar o que se ouve é muito importante. Ainda assim, é preciso não ceder às próprias opiniões e princípios. Estava relembrando situações em que disse não, quando li um texto de Eliane Brum que levanta essa discussão. Ela coloca o não como um elemento importante no caso da cesárea forçada … Continue lendo DIZER NÃO

VOCÊ QUER UM PARTO NORMAL?

deparei-me com essa pergunta logo no começo da gravidez. Minha resposta: quero. Já no relato de parto, falei de um texto da Ana Cristina Duarte, que colocava a maior dificuldade: a cultura da cesárea, predominante no sistema privado de saúde. Para quem se interessa pelo tema, recomendo ler todas as suas notas, publicadas no facebook. … Continue lendo VOCÊ QUER UM PARTO NORMAL?